quinta-feira, 20 de outubro de 2016

Limpeza rápida em dia de pesca

Viva,

A pesca tem as suas partes boas e as menos boas (sim, na pesca não temos nada de mau...).

Uma das partes menos boas é depois do cansaço de uma jornada termos o cuidado de limpar tudo. A manutenção faz parte, é aconselhada para que o material dure mas acaba por se tornar num ritual que custa sempre.

Quantas vezes se fazem jornadas nocturnas e, ou não se limpa o material logo, ou quando o vamos fazer passado 24 ou 48h já se nota picos de ferrugem nas argolas/triplos das fateixas, etc...

Resolvi começar a levar comigo, juntamente com toda a parafernália de equipamento de pesca, um ou mais garrafões de água.

Não pesa nada dentro do carro, e como vão ver resolve parte dos problemas.


Quando chego ao carro desmonto a cana e passo logo tudo por água doce, limpando de seguida com um pano.



Como 5 litros de água são mais do que suficientes para passar cana/carreto por água, na restante água que sobra aproveito e coloco as amostras.

Meto as amostras pelo gargalo do garrafão e coloco a tampa.


Ao chegar a casa, despejo toda a água e corto o garrafão para depois colocar as amostras a secar.


Aqui já temos o material limpo, e perdem-se apenas 5 minutos na operação completa. Se limpar quando chegar a casa tenho de tirar a cana do saco, o carreto da mochila, as amostras do saco e acabo por demorar mais tempo... Assim limpo logo tudo enquanto ainda venho com a "pica" toda da pesca...

Para quem, como eu, gosta de dar um cuidado extra ao material ainda borrifo os passadores e o multi com spray de silicone (uso há anos e sem queixa alguma. a durabilidade do material aumenta exponencialmente).

Uso este que encontrei há uns anos no Aldi. Os preços que tenho visto rondam os 2,5€ - 3€ e dura bastante.


Para quem usa vadeadores pode levar mais 2 garrafões de água e uma caixa de plástico (daquelas para arrumações) e passá-los logo por água doce e retirar a areia. Assim ao chegar a casa é só pendurá-los para secar.

Abraço

1 comentário: